terça-feira, 11 de dezembro de 2012


Não sei se já mostrei por aqui um poema que minha irmã fez há muito tempo atrás em homenagem ao meu amor inconstante por diferentes livros e diferentes personagens. 

Que inconstante figura es.
Amar perdidamente. Até
 Chegar o amanhã, para
Descobrir que já não sonhas
 Na fantasia final sete. Para
 Amar perdidamente um
 Vampiro encantador. Mas,
 Quando chega o dia seguinte,
 Com muito orgulho e nenhum preconceito, já
 Amas incondicionalmente
Mr. Darcy e seus suaves trejeitos.
Ó pobre iludido,
Não sabe que esse encanto
 Só dura enquanto não surge outro
Na lista de seus favoritos?

4 comentários:

luciano disse...

É isso aí, nossos irmãos conhecem bem a gente. Bela homenagem ela fez a você e espero que seu amor por livros e lendas continue sempre vivo. Em tempo: Um Feliz Natal e tudo de bom em sua vida!

Laísa C. disse...

Uma bela e encantadora homenagem!

Anônimo disse...

Alessandra - é de sua autoria?

Celly Monteiro disse...

Não Alessandra, esse em questão minha irmã que fez pra mim.

Meus selinhos ^^

Meus selinhos ^^
Meus selinhos ^^